terça-feira, 26 de janeiro de 2016

[Resenha 40] A Herdeira - Kiera Cass (A Seleção #04)

*** Primeiro Livro do Desafio "I Dare You" - Livro que ganhei de um amigo***




Sinopse: (Contém Spoilers de "A escolha") No quarto volume da série que já vendeu mais de 500 mil exemplares no Brasil, descubra o que vem depois do "felizes para sempre". Vinte anos atrás, America Singer participou da Seleção e conquistou o coração do príncipe Maxon. Agora chegou a vez da princesa Eadlyn, filha do casal. Prestes a conhecer os trinta e cinco pretendentes que irão disputar sua mão numa nova Seleção, ela não tem esperanças de viver um conto de fadas como o de seus pais. Mas assim que a competição começa, ela percebe que encontrar seu príncipe encantado talvez não seja tão impossível quanto parecia.




Série "A Seleção":
1. A Seleção 
2. A Elite
3. A Escolha
4. A Herdeira 
5. A Coroa ("The Crown" - Lançamento previsto para 03 de maio de 2016)

Livro de Contos: "Contos da Seleção" - O Príncipe e o Guarda". Ordem de Publicação: 2.5. Conto "O Príncipe" 0.5. Conto "O Guarda" 2.5. Inclui também entrevista com a autora e outras informações legais, além de algumas páginas do "A Escolha", ainda não lançado quando da publicação deste.

Livro de Contos: "Felizes para Sempre" - Contos "O Príncipe", "O Guarda", "A Rainha" e "A Favorita", com ilustrações inéditas da autora. "A Rainha" trata da seleção da mãe de Maxon, a rainha Amberly. "A Favorita" é sobre Marlee, uma das selecionadas, amiga de America. O livro conta também com outras informações sobre as garotas não escolhidas por Maxon e algumas páginas de "A Sereia", novo livro da autora.

Opinião:


Ganhei este livro de aniversário da minha amiga Karolina, no ano passado. Era um dos livros mais desejados, mas fui deixando-o para depois. Eu sabia que o leria rápido e teria que esperar quase um ano para poder ler a conclusão da série, esse foi o principal motivo.

Outra coisa que influenciou para eu demorar a ler esse livro foi a quantidade de críticas negativas sobre ele. Todas resenhas que vi eram de pessoas que odiavam a protagonista e ninguém suporta ler um livro em que a protagonista é chata, né?

Para minha sorte, a espera para finalmente lê-lo acabou me blindando deste problema. Tanto falaram que Eadlyn, a protagonista, é uma garota chata e mimada, que já peguei o livro esperando isto dela e não me surpreendi tanto.

Boa parte das pessoas que chegam à este livro o fazem por ter adorado a história de America, a mãe de Eadlyn, e as duas são bem diferentes. America é decidida, sensível e o mais importante nesse caso, nasceu e cresceu fora de um palácio, numa família humilde. Eadlyn não é nada humilde. Ela nasceu e cresceu rodeada de criados, num palácio, sendo uma princesa que nunca sentiu fome ou frio como sua mãe, e ainda sendo tratada de modo diferente por todos, pois um dia se tornaria Rainha.

Eadlyn é gêmea de Ahren e ambos são os filhos primogênitos de America e Maxon, só que Eadlyn nasceu alguns minutos antes dele. Inovadores ("diferentões" rsrsrs) e feministas como seus pais são, resolveram que não era porque ela é mulher que perderia o direito ao trono, então a garota desde cedo foi treinada para ser não só a única princesa da família, mas a futura rainha de toda Illéa. Eles ainda tem dois outros irmãos mais novos, Kaden e Osten.

(De onde a autora tira esses nomes loucos? Eu acho que eles não chegam a ser feios e combinam entre si, mas que são bem diferentes são, né?)

Nas primeiras páginas, fiquei chocada com a menina. Pensava: "Que mimada! Como ela se acha!" mas conforme a leitura segue - e como segue! Kiera Cass é uma autora que consegue fazer um livro fluir! - vamos entendendo e o choque diminui.

A coisa fica mais divertida quando começamos a rever todos os personagens antigos, como May, Marlee, Lucy e Aspen, e alguns novos, de suas famílias. A "tia Marlee", como Eadlyn chama, tem dois filhos: Kile, um garoto um pouco mais velho que Eadlyn, e Josie, uma menina um pouco mais nova, com a qual Eadlyn frequentemente se irrita.

Como já estou me sentindo fazendo um resumo e odeio fazer resumos de livros, só vou dizer que quando começa a Seleção para um príncipe para Eadlyn, ela não está nem um pouco de acordo com isso. Ocorre um sorteio e adivinha?  Kile acaba sendo selecionado para ser um dos 35 meninos. Ele fica chocado e diz não saber como sua inscrição foi feita, pois não foi ele quem fez. Eadlyn fica brava no começo, mas acaba usando-o como aliado (alguém já viu essa história? =S) e se aproximando dele, pois ambos não se gostavam e nem se relacionavam antes.

Se eu fosse Eadlyn (e/ou Kiera) teria ficado com uma pulga atrás da orelha e investigado: quem fez a inscrição de Kile? Ainda tenho curiosidade de saber, espero que conte no próximo livro. Suspeito fracamente de Kile, e bem mais fortemente de Ahren e do rei Maxon.

Tenho minhas expectativas quanto a como vai acabar a história. Não somente a Seleção, mas a questão política que é presente, mas pouco explorada na trama. As províncias estão se rebelando, pois ainda que as castas tenham sido extintas, muitas das divisões não deixaram de existir.

Quanto aos outros Selecionados: fiquei um pouco confusa com quem era quem. Há muitos nomes e detalhes de cada um. Um deles é salva-vidas e outro toca violão e um é negro e outro alfaiate e me perdi em qual nome era de quem. Tinha vários garotos que eu achava bacanas, mas tenho meu preferido e já imagino o que gostaria que acontecesse no final... Espero que seja o mesmo de Kiera Cass e de Eadlyn.

Espero ansiosamente o desfecho dessa história. "A Coroa" deve ser lançada nos EUA em 4 de maio e acho que aqui ao mesmo tempo. 

Em breve colocarei as mãoszinhas no "Felizes para Sempre", segundo livro de contos lançado, com alguns que  ainda não li. 

Aguardo também o livro "A Sereia" que está sendo lançado por agora aqui no Brasil.


Achei interessante ainda mostrar uma coisa que li ontem sobre "A Sereia" que não está nessa série da "Seleção", mas é da mesma autora. O livro vem com uma carta da autora que está reproduzida abaixo: 



Fofa ela, não?

Recomendaria?? Recomendo para meninas, que gostam de romances juvenis, mas recomendo que já entrem nesse livro sabendo que Eadlyn, a princesa protagonista é mimada e bem diferente de sua mãe.

Releria?? Acho que sim, mas não tão imediatamente. Espero ler em breve o próximo livro e último da série (assim espero!) para concluir a história da "Seleção".